Tornados nos EUA matam mais de 200 pessoas no Estado do Alabama

Padrão

Dezenas de tornados e violentas tempestades varreram sete Estados do sul dos Estados Unidos nos últimos dias, matando mais de 220 pessoas, destruindo bairros inteiros, derrubando árvores e cortando o fornecimento de energia eléctrica.
Na mais violenta série de tornados em quase quatro décadas nos EUA,pelo menos 131 pessoas foram mortas apenas no Alabama, que pediu a ajuda do governo federal.

Governadores do Alabama, Mississippi e Georgia declararam emergência em algumas regiões dos Estados.
“Hoje pediremos ao presidente [Barack Obama] que acelere o pedido de assistência [ao Alabama] por um enorme desastre”, disse o governador do Alabama, Robert Bentley aos jornalistas, acrescentando que 500 mil pessoas estão sem energia.

“Estamos em operação constante de resgate, à procura de pessoas que possam estar soterradas”, disse ele à rede de TV CNN.
“Houve uma ampla devastação no norte do Estado. Estes tornados que percorrem longas distâncias de fato destroem as paisagens e as casas”, acrescentou.

Por meio de uma mensagem no Twitter, Obama lamentou a destruição.
“Nossos corações estão com todos os afectados por essa devastação, estamos prontos para ajudar o Alabama”, disse o presidente.

De acordo com números preliminares, 131 pessoas morreram no Alabama, 32 pessoas no Mississippi, 30 no Tennessee, 11 no Arkansas, 13 na Geórgia, oito na Virgínia, duas em Louisiana e uma no Kentucky.
Autoridades no Alabama e Mississippi dizem acreditar que o número de vítimas ainda deve aumentar.

DESTRUIÇÃO

Algumas das áreas mais atingidas estão no Estado do Alabama, onde um tornado atingiu Tuscaloosa, que abriga a Universidade do Alabama, matando pelo menos 15 pessoas — incluindo estudantes.
Lojas, farmácias e postos de gasolina ficaram totalmente destruídos na cidade de 95 mil habitantes, que fica no oeste do Alabama.

[Foto - Michelle Lepianka Carter - Tuscaloosa News - Associated Press]Segundo representantes da universidade, não houve estragos significativos no campus, e um grande número de estudantes se abrigou no centro de recreação, que possui 125 camas.

“Era possível ouvir o barulho dos escombros caindo. Tudo que me sobrou foram algumas roupas e ferramentas, que eram pesadas para que a tempestade levasse. Parece algo surreal”, disse o estudante Steve Niven, 24.

“Posso comprar novas coisas, mas não é possível substituir as pessoas. Sinto muito por aqueles que perderam entes queridos”, disse ele à Reuters.

“Todos dizem que [um tornado] tem o som parecido com o de um trem, e eu comecei a ouvir um trem”, conta Anthony Foote, morador de Tuscaloosa que teve a casa amplamente danificada à Reuters. “Eu corri e me joguei na banheira, a casa inteira tremeu”.

Na área de Tuscaloosa, o tráfego foi interrompido devido a árvores e fiações eléctricas caídas. Alguns motoristas abandonaram os carros na ruas.

“Hoje enfrentamos estragos em uma escala sem precedentes por um longo período na cidade”, disse o prefeito Walter Maddox.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s